Menu

The Journey of Damm 304

mailsupply8's blog

Os Melhores Cursos De Pós-graduação Em Intercomunicação

Como Sobreviver Ao Doutorado


Os sambaquis identificados nos dias de hoje têm em torno de 5 1 mil anos, todavia um deles, pela Ilha do Cardoso, no município de Cananéia, no Litoral Sul paulista, pode ser o mais antigo do Brasil. Localizado pelo arqueólogo Flávio Rizzi Calippo, tem 8 1000 anos, expondo que o homem neste momento estava naquela região pelo menos três 1 mil anos antes do que se pensava.


O sambaqui achado pelo arqueólogo, filiado do Centro de Estudos de Arqueologia Náutica e Subaquática da Escola Estadual de Campinas (Ceans/Unicamp), tem trinta metros de diâmetro e nove de altura. Diferente de outros, não está próximo da praia, mas dois quilômetros mata adentro. “No início não achamos pela dado, por ser um território afastado da costa.


  • 08/06/dez 16:Vinte e dois - ERNANI RODRIGUES
  • Como Adriana Barbosa virou uma das pessoas negras mais influentes do mundo
  • Mestrado Acadêmico em Engª Civil - UFRGS
  • quarenta e um Listas de equipamentos militares da Segunda Competição Mundial
  • quatro Cursos de Educação a Distância
  • MBA em Gestão de Obras e Projetos - Unisul
  • Prefeitura de Serrana
  • A colocação do Hadoop a uma instância AWS (serviço de computação na nuvem, da Amazon)


Acabamos encontrando o sítio, que foge completamente do padrão. Com que objetivo serve A Ciência? o encontramos, começamos a suspeitar que fosse mais velho, pontualmente por encontrar-se bem distante da praia”, falou Calippo. De acordo com o arqueólogo, no passado, o sambaqui deveria estar perto da praia pelo motivo de há 8 1000 anos a água deveria estar mais próxima dele. Não há ainda sugestões do que seria aquele sambaqui: recinto de habitação ou de controle de território, por exemplo.


Qual o preço Se Aprontar Pro Vestibular? previamente os pesquisadores acreditavam que os resíduos de conchas e ossos eram simplesmente restos de alimentação desses grupos pré-históricos que seguiam errantes pelo Litoral. “Mas as escavações que a gente vem fazendo em Cananéia, em Santa Catarina e no Rio de Janeiro vêm revelando que eles desenvolveram estes aterros. Onze Erros Fatais Na Hora De Estudar Para Concursos Públicos , uma apoio é desenvolvida num momento, (os grupos) vão vivendo ali.


A acumulação do sítio é lenta, porém, num determinado momento, o povo que o criou dobra o tamanho do sambaqui”, explicou Calippo. Não há infos se estes homens pré-históricos faziam isso como qualquer coisa prático, simplesmente como uma plataforma de defesa pra acompanhar a região ou se poderia ser algo simbólico. “Como a gente ergue torre de igrejas, eles poderiam montar um ambiente que se destacasse para enterrar seus mortos”, admite Um Primeiro Turno De Superação No Atlético-MG . Ainda não é possível definir o que seria esse sambaqui de Cananéia em razão de ainda não foi feita a escavação. Para definir a data de construção, Calippo introduziu um cano no sítio, coletou amostra de seu centro e enviou aos Estados unidos.


Ele pretende escavar o lugar este ano, porém imediatamente vê problemas operacionais. O sambaqui está achado em um parque estadual, numa zona intangível, quer dizer, de máxima preservação. O sítio arqueológico está numa área da ilha que não tem energia, o que dificulta ainda mais o trabalho. A equipe teria de acampar perto de um rio e se embrenhar pela mata, complicando a procura. Quem era esse homem do Litoral?


Go Back

Comment

Blog Search

Comments

There are currently no blog comments.